quarta-feira, 15 de julho de 2015

Piracema


Nice Soleil Fleurs - Marc Chagall



Nada
De nadar para fora
Nada
De sair do curso a essa hora.
Nada
Rio acima, à exaustão
Nada
À minha água rasa, como
Se fosse a nossa alcova:

Esconde-te e desova.




7 comentários:

  1. Singeleza pura de um ato de amor!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Regina.
    O registo das coisas mais simples da vida e suas belezas.
    bj amg

    ResponderExcluir
  3. Combinado com a ilustração, seu poema fica ainda mais especial, Regina. Parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Adorei e qualquer coisa que seja PIRA agora me lembra a Carla. Vocês deveriam escrever juntas um dia.

    Feliz dia do amigo Rê. Adoro vc.
    Beijocas <3

    ResponderExcluir
  5. Adorei e qualquer coisa que seja PIRA agora me lembra a Carla. Vocês deveriam escrever juntas um dia.

    Feliz dia do amigo Rê. Adoro vc.
    Beijocas <3

    ResponderExcluir
  6. Adorei e qualquer coisa que seja PIRA agora me lembra a Carla. Vocês deveriam escrever juntas um dia.

    Feliz dia do amigo Rê. Adoro vc.
    Beijocas <3

    ResponderExcluir
  7. Adoro como seus poemas são simples e limpos, mas ao mesmo tempo transbordam um milhão de sentimentos :)

    ResponderExcluir