sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Bordados de Guadalupe


Combinação das imagens da Virgem de Guadalupe e de Frida Kahlo, importantes figuras femininas do México
www.etsy.com



Quando a minha dor me fala
Vai me alinhavando, fere e
De alguma morte, me salva.
Sigo, apesar dela aqui
E ela, a pesar em mim,
Transpassa-me, remendando
As minhas asas de pano.

Tenta, dor, nas longas asas,
Dar pontos sem causar danos
Não posso mais arrastá-las.
Eu vou pra longe, até onde está
A menina de Guadalupe
Das astecas fiandeiras
Da pele de sol vermelha.

Guadalupe, a mãezinha,
Vai refletir-me em seus olhos
Vai aquecer-me num manto
De algodão e rosas bordadas
Tão reais que até espinham
Tão reais que inebriam
Com cheiro de flor e acalanto.