sexta-feira, 22 de março de 2013

Lá vai a menina



Pipas - Cândido Portinari


Menina sapeca
Feliz saltitante
Gira e caminha
Pela calçada
                       
Voam seus cachos compridos
Voa a saia embabada
                       
Feliz porque hoje
Já é sexta-feira
Feliz porque a mãe
Caminha ao seu lado
                       
Canta sonho de criança
Cantam seus braços alados
                       
Até que no alto
Viu uma pipa
Dançando bonito
Brincando com ela
                       
Trançaram-se os pés distraídos
Traçou-se uma queda daquelas
                       
Agora só chora
Sem sonho e sem valsa
E a mãe a consola:
-Foi nada, levanta!
                       
O tempo sara as feridas
E a casquinha se arranca
                       
Lá vai a menina
Feliz saltitante
Gira e caminha
Pela calçada
                       
Voam seus cachos compridos
Voa a saia embabada


terça-feira, 5 de março de 2013

Deixo-me


imagem: sharlysjardim.blogspot.com


Deixo-me
E desço
À escuridão que me assusta

Deixo-me
À parte
Em pedaços que me refazem

Deixo-me ir
Mais fundo
Para chegar mais alto

Onde existe luz